Tempo, tempo; mano velho…

n604029961_922776_1350


O andar do relógio, o destacar dos dias, o folhear de meses… O passar do tempo é inevitável. A idade chega, e para cada um de nós de forma diferente – essa é a mais pura verdade, vamos encará-la.

Para mim, a única coisa ruim de envelhecer é o corpo. Ele muda, se desconfigura. Os seios caem, a pele enruga, a gordura se aloja, as costas machucam, os olhos embaçam, as rugas aparecem… Mas, na altura de meus 25 anos – o que considero pouco –, essa é a única mazela. De resto, ficamos mais sábios, mais divertidos, mais responsáveis, mais completos, mais decididos…

Sempre achei que o melhor momento é o agora e continuará sendo. Isso não tira o fato de eu sentir saudades de antes. Sinto saudades do que já se foi, pessoas, lugares, acontecimentos. Por vezes, até mesmo daquilo que nunca chegou a acontecer e só foi real dentro de meus pensamentos. Mesmo assim, continuo a afirmar convicta: nada é melhor do que o hoje! Pelo menos, é o que eu acho até então. Pode ser porque eu sou jovem ou até mesmo por eu estar feliz demais. Contudo, por enquanto essa é uma certeza, a minha certeza.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s